— Eu queria me desculpar.
— Ótimo.
— Deixe-me acabar. Eu disse que queria. Mas percebi que não lamento.
— Você preferia morrer a ser humano. E espera que eu concorde?
— Não disse isso, só que não lamento. Mas sabe o que realmente sou? Egoísta. Porque fiz escolhas ruins que te magoaram. Sim, eu preferiria morrer a ser humano. Preferiria morrer agora a passar vários anos com você para perdê-la quando estiver velho e você ainda ser você. Preferiria morrer agora a passar meus últimos anos lembrando como era bom e como eu era feliz. Porque eu sou assim, Elena. E não vou mudar. E não há desculpas no mundo que englobe todas as razões de eu não ser o cara certo para você.
— Tudo bem. Mas eu também não lamento. Não lamento ter te conhecido. Nem que isso tenha me feito questionar tudo. E na morte, é você quem mais faz com que eu me sinta viva. Você tem sido uma pessoa horrível. Você fez todas as escolhas erradas. E de todas as que já fiz, esta deve ser a pior, mas não lamento estar apaixonada por você. Eu amo você, Damon. Eu amo você.

The Vampire Diaries.  

(Source: prestigiador)



{
}